onde menos é mais

amar pode ser algema
chicote pode ser fetiche
escravos sempre somos
libertos não contentamos

3 comentários:

Colecionadora de Silêncios disse...

Olá, Rodrigo.

Aqui conhecendo o seu espaço... seus versos são geniais! Fogem a obviedade dos dias de hj... Parabéns!

(Eu queria seguir o seu blogue para não perder o caminho de volta, mas já procurei aqui e não achei seguidores...rs Que desespero! Então, vou por nos meus favoritos - que é uma bagunça só! - para visitá-lo mais vezes depois... rs)

Beijos

Marisa Vieira disse...

Adorei....saudade de te ler Mebs!
Tudo bem com vc?

beijo da Marisa

Marina Maneschy disse...


Adorei seu Blog

Adoro ler poesia
Acalma a alma
Eleva a vida
Colore os dias

Saudações e olás
Obrigada pela poesia